Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.8/571
Título: Capital intelectual : uma análise exploratória
Autor: Martins, José Luís
Palavras-chave: Capital intelectual
Goodwill
Activos intangíveis
Capital humano
Capital estrutural
Capital relacional
Data de Defesa: 2005
Resumo: Partindo da premissa de que o principal objectivo da empresa e de seus gestores consiste na maximização do capital nela investido, observa-se que os gestores deverão preocupar-se com a criação de riqueza dentro da empresa, procurando continuamente incrementar e optimizar a criação de valor pela organização e também mensurá-la. Acresce que, a importância e a participação dos activos intangíveis dentro deste processo de criação de valor tem crescido ao longo dos anos. Neste contexto, e considerando a importância dos intangíveis, este trabalho apresenta um estudo exploratório realizado no âmbito de empresas portuguesas, com o objectivo de investigar a presença, os inter-relacionamentos e a importância dos activos intangíveis, agrupados e estruturados sob o conceito de capital intelectual, assim como algumas das decisões e atitudes dos gestores acerca destes elementos que constituem o capital intelectual da organização. Primeiramente, procuramos, dentro da vasta literatura sobre capital intelectual, efectuar uma revisão da mais significativa. Daremos ênfase aos contributos teóricos e empíricos relativos à mensuração e divulgação do capital intelectual. Na segunda parte, introduziremos um estudo empírico com o objectivo de investigar os três elementos do capital intelectual: capital humano, capital relacional e capital estrutural e o seu inter-relacionamento dentro do contexto empresarial português. Verificou-se que, a partir da constatação da importância dos elementos formadores do capital intelectual para a criação de valor dentro das empresas, de forma geral, o nível do capital humano e estrutural das empresas analisadas se encontra aquém do necessário para um melhor desempenho destas, enquanto que seu capital relacional, ou seja, a qualidade dos seus relacionamentos se encontra num nível elevado e bastante próximo do adequado.
Descrição: Dissertação apresentada à Faculdade de Economia da Universidade do Porto no âmbito do Mestrado em Ciências Empresariais, Especialização em Contabilidade.
URI: http://hdl.handle.net/10400.8/571
Aparece nas colecções:Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Diss. Mest. - Cap. Int. - José Martins.pdf652,53 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.