Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.8/343
Título: A aplicação dos Princípios de Equador pelas instituições financeiras portuguesas
Autor: Santos, Tânia Cristina Simões de Matos dos
Palavras-chave: Princípios de Equador
Instituições bancárias
Data: Abr-2007
Resumo: A responsabilidade social das empresas é um tema de actualidade inquestionável. Nos últimos anos consolidou-se a ideia de que as empresas podem e devem assumir na sociedade um papel que transcenda a sua vocação básica de criação de riqueza. O esforço das empresas em respeitarem e incorporarem nas suas estratégias, normas de conduta que potenciem e enriqueçam as relações com colaboradores, clientes, accionistas, fornecedores, concorrentes e entidades públicas (stakeholders), promovam o ambiente e o desenvolvimento sustentável beneficia toda a comunidade e é comprovadamente valorizado pela sociedade. A assinatura da Declaração Internacional dos Bancos para o Ambiente e Desenvolvimento Sustentável e a adopção dos Princípios do Equador relativos ao financiamento de projectos constituem as principais formas de integração do conceito de desenvolvimento sustentável nas actividades das instituições de crédito. No presente trabalho pretende-se realizar um estudo sobre os Princípios do Equador, e analisar em particular a influência da respectiva adopção na estratégia e procedimentos dos bancos portugueses: o Banco Espírito Santo e o Millennium BCP.
Descrição: Comunicação apresentada no 4º Congresso ADLEI "Região de Leiria: Inovação e Oportunidades", que decorreu em Leiria em 2007.
URI: http://hdl.handle.net/10400.8/343
Aparece nas colecções:Working papers

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
working_paper-85_globadvantage.pdf1,46 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.